O Governo Federal realizou, nesta sexta-feira (30/8/13), em Montes Claros, o Encontro Estadual de Prefeitos de Minas Gerais. O evento, que contou com a participação de ministros e deputados federais e estaduais, reuniu chefes de Executivo das regiões Norte, Noroeste e Vale do Jequitinhonha. Além da troca de experiências, os gestores municipais puderam se atualizar sobre programas federais, com palestras e atendimentos individuais. Para isso, 12 estandes foram montados no local. No evento também foi realizada mais uma entrega de máquinas do  Programa de Aceleração do Crescimento – PAC 2. Dezoito municípios receberam caminhões-pipa.          

O Ministério da Saúde ofereceu oficinas de apoio institucional, com informações sobre sistemas de informação para financiamento, implementação e administração das Redes de Atenção à Saúde (RAS). Segundo o secretário nacional de Atenção à Saúde, Helvécio Magalhães, o  Ministério da Saúde está oferecendo orientações sobre programas e convênios de acordo com as temáticas: Atenção Básica; Rede de Urgência e Emergência; Rede de Atenção Psicossocial; Rede Cegonha; Rede Viver sem Limites; e Gestão de Convênios. Helvécio chamou a atenção para a necessidade de haver uma linha de diálogo aberto entre os poderes para que demandas históricas da região sejam resolvidas.          

Centro das atenções no Brasil inteiro nos últimos dias, o programa “Mais Médicos” também foi lembrado entre os participantes. A ministra de Relações Institucionais, Ideli Salvatti, lamentou a forma como alguns médicos brasileiros e parte de imprensa estão tratando o programa e os médicos estrangeiros. “São profissionais que irão trabalhar onde os nossos médicos não querem ir e merecem todo o nosso respeito”, enfatizou.          

Ideli Salvatti também falou de ações do governo federal na região, como a ampliação do programa Minha Casa Minha Vida, a implantação de novas escolas técnicas e o asfaltamento da BR 135. Ela afirmou que o governo federal irá incluir no PAC 2 a construção do tão esperado anel Rodoviário norte de Montes Claros e também se comprometeu a resolver várias outras demandas das cidades do Norte e vales do Jequitinhonha e Mucuri.          

Para o ministro do Desenvolvimento, Indústria e Comércio Exterior, Fernando Pimentel, o encontro foi importante aproximar o governo federal dos municípios. "Este encontro é muito importante para para que os chefes de Executivo possam conhecer melhor os programas do governo federal e ter acesso aos benefícios sem precisar ir Brasília. Em um dia ganha-se uma semana de trabalho", concluiu o ministro se colocando à disposição de todos.          

O deputado Paulo Guedes agradeceu o tratamento que a presidenta Dilma Rousseff tem dado ao Norte, Noroeste de Minas e Vales do Jequitinhonha e Mucuri. “Nunca a nossa região recebeu tantos recursos e atenção como nesta atual gestão”. Ele também agradeceu ao ministro Fernando Pimentel, que garantiu a instalação do escritório regional da Sudene em Montes Claros.          

Paulo Guedes também falou sobre o novo Código Florestal mineiro, que irá beneficiar os municípios mais carentes do Estado, com mudanças nos critérios de distribuição do ICMS Ecológico. O projeto de sua autoria diminui o percentual de rede de esgoto para 15,45% e aumenta o de Mata Seca para 39,1%. Com isso, os municípios mais pobres do estado terão sua arrecadação reajustada em mais de 300%.       

Ao longo de todo o dia, os prefeitos tiraram dúvidas e receberam orientações acerca das demandas de cada município, principalmente as relacionadas ao PAC. A Caixa Econômica Federal e o Banco do Brasil também prestaram atendimento aos prefeitos e apresentaram projetos e programas que possam integrar políticas públicas de cada cidade.